Sobre a Teoria

Sobre a Teoria

O que é Semiolinguística?

A Análise Semiolinguística do Discurso constitui-se como uma das vertentes de análises do discurso na França. Foi concebida pelo linguista francês e pesquisador da Universidade de Paris XIIII, Patrick Charaudeau, nos anos 1980, tendo como marco inicial a publicação (em 1983), pela editora Hachette, da obra Langage et discours – Eléments de sémiolinguistique (théorie et pratique).

Nessa obra, o analista lança as bases da teoria, que viria a ser ampliada com obras subsequentes, como a Grammaire du sens et de l’expression (1992) e inúmeras outras, das quais destacamos Discurso político, Discurso das mídias  e o Dicionário de Análise do Discurso, em parceria com Dominique Maingueneau (todas já com tradução em português, pela editora Contexto).

Com relação ao nome da teoria, em “Semiolinguística”, sémio-, vem de sémiosis, indicando que a construção do sentido e sua configuração se fazem por meio de uma relação forma-sentido; já o termo –linguística lembra que a forma de ação pretendida pelo sujeito-comunicante é sobretudo constituída por um material linguageiro oriundo das línguas naturais. Além disso, a Semiolinguística é do discurso, porque o texto deve ser analisado em seu contexto discursivo, do qual fazem parte outros textos pré-existentes a ele, que circulam na sociedade em geral, ou num dado grupo social.

Assim, a Semiolinguística em Análise do Discurso aponta para a impossibilidade de se pensar a experiência da linguagem distante dos sujeitos históricos. Nessa perspectiva, o discurso não é construído apenas em torno do binômio estrutura/enunciado, tendo em vista que todo discurso apresenta características individuais e sociais, ou seja, características de língua e de fala.

O que é Semiolinguística?

A Análise Semiolinguística do Discurso constitui-se como uma das vertentes de análises do discurso na França. Foi concebida pelo linguista francês e pesquisador da Universidade de Paris XIIII, Patrick Charaudeau, nos anos 1980, tendo como marco inicial a publicação (em 1983), pela editora Hachette, da obra Langage et discours – Eléments de sémiolinguistique (théorie et pratique).

Nessa obra, o analista lança as bases da teoria, que viria a ser ampliada com obras subsequentes, como a Grammaire du sens et de l’expression (1992) e inúmeras outras, das quais destacamos Discurso político, Discurso das mídias  e o Dicionário de Análise do Discurso, em parceria com Dominique Maingueneau (todas já com tradução em português, pela editora Contexto).

Com relação ao nome da teoria, em “Semiolinguística”, sémio-, vem de sémiosis, indicando que a construção do sentido e sua configuração se fazem por meio de uma relação forma-sentido; já o termo –linguística lembra que a forma de ação pretendida pelo sujeito-comunicante é sobretudo constituída por um material linguageiro oriundo das línguas naturais. Além disso, a Semiolinguística é do discurso, porque o texto deve ser analisado em seu contexto discursivo, do qual fazem parte outros textos pré-existentes a ele, que circulam na sociedade em geral, ou num dado grupo social.

Assim, a Semiolinguística em Análise do Discurso aponta para a impossibilidade de se pensar a experiência da linguagem distante dos sujeitos históricos. Nessa perspectiva, o discurso não é construído apenas em torno do binômio estrutura/enunciado, tendo em vista que todo discurso apresenta características individuais e sociais, ou seja, características de língua e de fala.

Quem é Patrick Charaudeau?

Patrick Charaudeau é um linguista francês, criador da Teoria Semiolinguística de Análise do Discurso. É professor Emérito da Universidade de Paris-Nord (Paris XIII), diretor-fundador do Centro de Análise de Discurso (CAD) dessa mesma universidade, além de pesquisador do Centre National de la Recherche Scientifique (CNRS) e membro do Collège Iconique do Institut Nationel de l´Audiovisuel (INA). É autor de vários livros, capítulos de livros e artigos de revistas, todos dedicados aos estudos discursivos.

A biografia completa e a bibliografia do Prof. Charaudeau podem ser encontradas em seu site pessoal: http://www.patrick-charaudeau.com/.

Quem é Patrick Charaudeau?

Patrick Charaudeau é um linguista francês, criador da Teoria Semiolinguística de Análise do Discurso. É professor Emérito da Universidade de Paris-Nord (Paris XIII), diretor-fundador do Centro de Análise de Discurso (CAD) dessa mesma universidade, além de pesquisador do Centre National de la Recherche Scientifique (CNRS) e membro do Collège Iconique do Institut Nationel de l´Audiovisuel (INA). É autor de vários livros, capítulos de livros e artigos de revistas, todos dedicados aos estudos discursivos.

A biografia completa e a bibliografia do Prof. Charaudeau podem ser encontradas em seu site pessoal: http://www.patrick-charaudeau.com/.

Principais obras do autor em Língua Portuguesa
Linguagem e Discurso

A obra traz concepções importantes da teoria como a noção de ato de linguagem, os papéis dados aos diferentes sujeitos que dele participam e os modos de organização do discurso, com exemplos transpostos para a realidade brasileira.

Discurso Político

Neste livro, Patrick Charaudeau mostra o que escondem e o que revelam os políticos quando falam e quais os artifícios que utilizam para persuadir e seduzir os seus interlocutores, destacando as questões do poder e da legitimidade da palavra política.

Discurso das Mídias

As mídias nos manipulam?  Charaudeau em “Discurso das Mídias” aborda a complexa máquina midiática: as restrições, as especificidades de cada gênero, os modos de organização e as estratégias de encenação em funcionamento no discurso da informação.

Dicionário de Análise do Discurso

Neste livro, Charaudeau e Maingueneau, duas das maiores autoridades mundiais em AD, fazem um mapeamento dos principais conceitos da Análise do Discurso, por meio de mais de 400 verbetes, escritos com a colaboração de conceituados especialistas internacionais da área.

A conquista da opinião pública

Nesta obra, Patrick Charaudeau aborda os mecanismos envolvidos na elaboração dos discursos que visam a conquistar a opinião pública – da dramatização (e do apelo aos sentimentos) ao carisma e à exaltação de valores.

Linguagem e Discurso: modos de organização

A obra traz concepções importantes da teoria como a noção de ato de linguagem, os papéis dados aos diferentes sujeitos que dele participam e os modos de organização do discurso, com exemplos transpostos para a realidade brasileira.

Discurso Político

Nesse livro, Patrick Charaudeau mostra o que escondem e o que revelam os políticos quando falam e quais os artifícios que utilizam para persuadir e seduzir os seus interlocutores, destacando as questões do poder e da legitimidade da palavra política.

Discurso das Mídias

As mídias nos manipulam? Charaudeau em “Discurso das Mídias” aborda a complexa máquina midiática: as restrições, as especificidades de cada gênero, os modos de organização e as estratégias de encenação em funcionamento no discurso da informação.

Dicionário de Análise do Discurso

Neste livro, Charaudeau e Maingueneau, duas das maiores autoridades mundiais em AD, fazem um mapeamento dos principais conceitos da Análise do Discurso, por meio de mais de 400 verbetes, escritos com a colaboração de conceituados especialistas internacionais da área.

A conquista da opinião pública

Nesta obra, Patrick Charaudeau aborda os mecanismos envolvidos na elaboração dos discursos que visam a conquistar a opinião pública – da dramatização (e do apelo aos sentimentos) ao carisma e à exaltação de valores, da constituição dessa opinião à construção do discurso.

Translate »